Uma vendedora de Belo Horizonte morreu ao desembarcar de um voo da Latam, no aeroporto de Milão, na Itália, no sábado (8). Luana Araújo de Miranda, de 29 anos, fazia a primeira viagem internacional quando sofreu um mal súbito e precisou de atendimento médico. 

De acordo com familiares da vítima, a jovem trabalhava em uma perfumaria no shopping Pátio Savassi, na região Centro-Sul. Serão feitos dois exames médicos que poderão indicar a causa da morte.

"Já entramos em contato com o consulado brasileiro, que está nos ajudando. As autoridades médicas vão fazer uma autópsia e analisar os laudos da ambulância que fez o resgate e do prontuário médico", disse Mariana Araujo de Miranda Souza, irmã de Luana.

A mãe delas faleceu no ano passado, em decorrência de um câncer, e os parentes mais próximos realizaram exames, indicando que todos estavam bem. "Não sabemos o que pode ter acontecido, estamos muito tristes. Era a segunda viagem dela, a primeira internacional", lamentou Mariana.

Em nota, a Latam Airlines Brasil informou que se sensibiliza com o ocorrido e que está prestando a assistência necessária aos familiares da passageira.